web analytics
Início / Conteúdo / Concurso Polícia Civil PC AP 2017: Inscrições abertas com 980 vagas! Até R$ 13.280,01!

Concurso Polícia Civil PC AP 2017: Inscrições abertas com 980 vagas! Até R$ 13.280,01!

Saiu o edital de concurso da Polícia Civil (Concurso Polícia Civil Amapá 2017) e Polícia Técnico-Científica do Amapá. De acordo com os documentos divulgados nesta sexta-feira, 14 de julho, serão oferecidas nada menos que 980 vagas em diversos cargos. A Fundação Carlos Chagas (FCC) tem a responsabilidade do certame.

Serão oferecidas 225 vagas imediatas, distribuídas entre a Polícia Civil (205) e Politec (20). O restante das vagas, 755, serão destinadas a formação de cadastro reserva, para contratação conforme necessidade durante a validade do certame.

O edital de concurso da Polícia Civil do Amapá 2017 conta com oportunidades para os cargos de Delegado (25 vagas), Agente de Polícia (120) e Oficial de Polícia (60). Para concorrer aos cargos de Agente e Oficial será necessário nível superior em qualquer área, enquanto o cargo de Delegado exige nível superior em Direito. Além disso, para todos os cargos será necessário Carteira Nacional de Habilitação (CNH), em categoria “B”. Os salários chegam a R$ 4.139,53 para agentes e oficiais, além de R$ 700,00 de auxílio indenização. Já para Delegado, o salário será de R$ 13.280,01.

Já o concurso da Polícia Científica – Politec, serão oferecidas vagas para Perito Médico Legista (18) e Perito Médico Legista – Psiquiatria (02 vagas). Para concorrer a uma das vagas, será necessário nível superior em medicina e registro no Conselho Regional de classe (CRM). Os salários chegam a R$ 10.067,96.

PREPARE-SE: Apostila Polícia Civil AP 2017 – Atualizada

Inscrição Concurso Polícia Civil e Politec Amapá 2017

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 10 horas do dia 17 de julho e 14 horas do dia 08 de agosto de 2017, no endereço eletrônico oficial da organizadora (www.concursosfcc.com.br). A taxa de inscrição custará:

R$180,00 para Delegado;

R$120,00 para Agente e Oficial; e

R$220,00 para Perito Médico.

Provas e Etapas do Concurso Polícia Civil e Politec Amapá 2017

O Concurso Público para a Carreira de Delegado de Polícia constará de 07 (sete) Fases, sendo a primeira fase composta por prova objetiva e prova prática – peça processual, de caráter eliminatório e classificatório, e a 2ª Fase – Prova Oral, de caráter eliminatório e classificatório, realizar-se-ão sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas, obedecidas às normas deste Edital. 1.1.2 As fases, a seguir, serão de responsabilidade da Secretaria de Estado da Administração e da Secretaria de Justiça e Segurança Pública São elas: 3ª Fase – Exame Documental e Médico, de caráter eliminatório; 4ª Fase – Exame de Aptidão Física, caráter eliminatório; 5ª Fase – Exame Psicológico, de caráter eliminatório; 6ª Fase – Investigação Social, de caráter eliminatório; 7ª Fase – Curso de Formação Policial Profissional de caráter eliminatório e classificatório, ministrado pela Academia Integrada de Formação e Aperfeiçoamento – AIFA.

Já o Concurso Público para a Carreira de Agente de Polícia Civil constará de 06 (seis) Fases. A primeira fase contará com prova Objetiva e de Redação, de caráter eliminatório e classificatório, realizar-se-á sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas, obedecidas às normas deste Edital. 1.2.2 As fases, a seguir, serão de responsabilidade da Secretaria de Estado da Administração e da Secretaria de Justiça e Segurança Pública São elas: 2ª Fase – Exame Documental e Médico, de caráter eliminatório; 3ª Fase – Exame de Aptidão Física, caráter eliminatório; 4ª Fase – Exame Psicológico, de caráter eliminatório; 5ª Fase – Investigação Social, de caráter eliminatório; 6ª Fase – Curso de Formação Policial Profissional de caráter eliminatório e classificatório, ministrado pela Academia Integrada de Formação e Aperfeiçoamento – AIFA.

Por fim, o Concurso Público para a Carreira de Oficial de Polícia Civil constará de 07 (sete) Fases. A primeira fase contará com Prova Objetiva e de Redação, de caráter eliminatório e classificatório, e a 2ª Fase – Prova Prática de Digitação, de caráter eliminatório, realizar-se-ão sob a responsabilidade da Fundação Carlos Chagas, obedecidas às normas deste Edital. 1.3.2 As fases, a seguir, serão de responsabilidade da Secretaria de Estado da Administração e da Secretaria de Justiça e Segurança Pública. São elas: 3ª Fase – Exame Documental e Médico, de caráter eliminatório; 4ª Fase – Exame de Aptidão Física, caráter eliminatório; 5ª Fase – Exame Psicológico, de caráter eliminatório; 6ª Fase – Investigação Social, de caráter eliminatório; 7ª Fase – Curso de Formação Policial Profissional de caráter eliminatório e classificatório, ministrado pela Academia Integrada de Formação e Aperfeiçoamento – AIFA.

O Concurso destina-se ao provimento de vagas ora existentes e que vierem a surgir, relativas as carreiras de Delegado da Policia Civil, Agente de Polícia Civil e Oficial de Polícia Civil, conforme informações constantes no Capítulo 2, obedecida a ordem classificatória e escolha da área de lotação constante no Capítulo 4, durante o prazo de validade previsto do edital.

As provas objetivas serão aplicadas nos dia 03 de setembro de 2017 para os cargos de Perito Médico Legista da Politec-AP; e no dia 10 de setembro para os cargos de Delegado, Agente e Oficial de Polícia Civil. Os locais de provas serão divulgados no dia 23 de agosto de 2017 (Politec) e 30 de agosto (Polícia Civil).

A validade do concurso será de 24 meses, com possibilidade de prorrogação por igual período.

Carência

De acordo com a delegada geral da Polícia do Estado, o certame ainda poderá ter oportunidades em cadastro reserva. Para todas essas funções teremos também cadastro reserva, isso quer dizer que o número de vagas será o dobro, principalmente por causa das aposentadorias que ocorrerão nos próximos dois anos”, disse.

Já o secretário de Justiça e Segurança Pública do Estado, Ericláudio Alencar, destacou a carência na carreira de delegado. “Nós temos uma deficiência hoje de 100 delegados para suprir com eficiência o que a gente precisa, mas tudo depende de orçamento. No mínimo serão contratados mais 30 delegados”, adiantou.

Atribuições

É missão do Agente Policial, proceder a estudos e apresentar sugestões sobre técnicas investigatórias; participar da elaboração de atos normativos que envolvam matéria ligada às atividades investigativas do Órgão Policial; assessorar estudos para a execução de projetos de organização e reorganização na área investigatória; realizar todas as atividades investigatórias necessárias à apuração das infrações penais; realizar diligências para o esclarecimento de infrações penais, objetivando a apuração da autoria e da materialidade, emitindo relatórios circunstanciados dos atos realizados; executar as capturas determinadas pela Autoridade Judiciária; e isolar locais de ocorrência de infrações penais, a fim de reunir elementos de prova da autoria e materialidade do delito, entre outras tarefas.

Já o Oficial da Polícia terá tarefa de realizar trabalhos cartorários nos Órgãos Policiais, mantendo o cartório organizado; escriturar ou orientar a escrituração dos livros cartorários; ter sob sua guarda e responsabilidade os livros cartorários, procedimentos policiais e demais documentos, que por força do ofício requerer; Classificar em ordem os procedimentos policiais, mandados, cartas precatórias e demais atos policiais; Lavrar termos de abertura e encerramento dos livros cartorários; e Lavrar e expedir certidões, entre outras funções.

Por fim, o cargo de Delegado terá missão de Dirigir, coordenar, supervisionar e fiscalizar as atividades administrativas e operacionais do órgão e unidades policiais, dirigindo e orientando a investigação criminal e todos os atos de polícia judiciária da respectiva alçada; II – Cumprir e fazer cumprir, no âmbito de sua competência, as funções institucionais da polícia civil; III – Proceder à verificação e exame dos atos ilícitos chegados a seu conhecimento, tomando as providências jurídicas que o caso requer; IV – Praticar todos os atos de polícia judiciária na esfera de sua competência, visando a permanente diminuição da criminalidade e da violência; entre outras funções.

O último Concurso

O último concurso aconteceu em 2006, quando contou com 120 vagas para Agente e Oficial de Polícia. Desse quantitativo, 06 (seis) vagas foram reservadas aos portadores de necessidades especiais. A taxa de inscrição custou R$75,00, sendo a responsável pelo certame a Universidade Federal do Amapá (Unifap).

Os inscritos no concurso foram avaliados por provas provas e discursivas. O aprovado nesta primeira fase foram submetidos ainda a  prova prática de digitação apenas para o cargo de oficial de polícia e a terceira fase foram exames de higidez e aptidão física, exame psicológico e a investigação social. Os candidatos aptos em todas as etapas passaram ainda por curso de formação.

Edital Concurso Polícia Civil e Politec do Amapá 2017

Saulo Moreira


Source link